Últimas Notícias

SEIL firma termo de cooperação para fomentar BIM
19/03/2018 - 15:20

O secretário estadual de Infraestrutura e Logística, José Richa Filho, assina nesta quarta-feira (21), um termo de cooperação técnica com a Autodesk, desenvolvedora de softwares conhecidos de Arquitetura e Engenharia como o Revit e Infra works. O objetivo é fomentar a plataforma BIM (Building Information Modeling ou Modelagem da Informação da Construção) na elaboração de projetos de engenharia. A cooperação técnica, de caráter não oneroso entre as partes, tem como objetivo estabelecer a mútua cooperação para promover ações conjuntas de fomento à implantação de melhorias na gestão de obras públicas, através da utilização do BIM.

A tecnologia possibilita a construção virtual do projeto, já que substitui as plantas em 2D por 3D. O BIM permite acompanhar todas as etapas do processo de construção, desde os estudos de viabilidade até a demolição. Os profissionais têm acesso a todo ciclo de vida de um edifício com uma visão muito próxima do resultado final. Desta forma, é possível detectar inconsistências com antecedência, melhorar a precisão dos orçamentos e prever o andamento da obra, além de adotar soluções sustentáveis.

A modelagem BIM propicia um nível de controle e transparência jamais alcançado em obras públicas. Por meio da utilização desta plataforma, o Estado pretende combater o desperdício, evitar erros em projetos, e conduzir o processo de execução de uma obra pública de forma inteligente, segura e sustentável. Segundo o Engenheiro Lidio Akio Sasaki, do Departamento de Gestão de Projetos e Obras da SEIL, a utilização do BIM é crescente no Brasil e vem provocando uma revolução silenciosa na construção civil. Também nas universidades, é grande o interesse pelo aprendizado desta metodologia, seja por iniciativa isolada de alguns professores ou pela demanda dos próprios alunos que perceberam as inúmeras vantagens da nova tecnologia. Sasaki acredita que em um curto espaço de tempo, a exemplo do que já ocorre em vários países, as empresas e profissionais de projetos que não adotarem o BIM em seus processos de trabalho, perderão competitividade e serão gradativamente excluídos do mercado.

PALESTRA – Na sequência, após a assinatura do termo, os convidados poderão assistir a uma palestra técnica com o tema “BIM em Projetos de Instalações de Alta Complexidade”. Guilherme Augusto de Brito Neves, diretor de Tecnologia da MHA Engenharia, vai explicar como as soluções da plataforma podem melhorar a qualidade dos projetos, desde o planejamento até a construção e manutenção da obra.
A MHA Engenharia é especializada na utilização do BIM. O objetivo do encontro é ampliar o conhecimento de profissionais das áreas de arquitetura, engenharia e construção sobre uma nova forma de planejar, projetar e gerenciar obras públicas e privadas.

GALERIA DE IMAGENS